Caro(a) colega

Caro(a) colega:

Direitos animais são um assunto binário: você explora animais ou se torna vegano(a).

Não há terceira opção.

Você não pode explorar “compassivamente”. Você simplesmente explora. Sua “compaixão” se trata de fazer você se sentir melhor quanto a continuar explorando animais. A exploração “compassiva” não tem nada a ver com a obrigação de justiça que devemos aos animais não humanos.

Justiça requer que paremos totalmente de usar animais. Exploração “humanitária” não passa de fantasia. Todo uso de animais envolve tortura. E mesmo se não envolvesse, e mesmo se pudéssemos tratar “humanitariamente” os animais que exploramos, não podemos justificar o uso e a morte dos animais para o prazer do nosso paladar, nosso sentido de moda, entretenimento ou qualquer outra finalidade.

Esteja certo(a): exploração animal “compassiva” é um absurdo, assim como escravidão “compassiva” e genocídio “compassivo” são um absurdo.

Se você não for vegano(a), torne-se vegano(a). É fácil; é melhor para a sua saúde e o planeta. Mas o mais importante é que é a coisa moralmente certa a fazer. Você nunca fará mais nada tão fácil e tão gratificante em sua vida.

Gary L. Francione

Tradução de Regina Rhedahttp://francionetraduzido.blogspot.com/2011/03/uso-compassivo-de-animais-e-um-absurdo.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s