Robert Plant cantando um sambinha

Releitura interessante.

Muita gente se contorce possuído pelos antigos deuses do rock ao ouvir esse tipo de versão por considerar a música como algo sagrado. Uma pena, pois essa postura nega a própria essência do rock e da arte musical, que é a liberdade de criar. Quem se prende ao passado é saudosista, não adianta você pensar que é moderno somente porque gosta de rock. Lamento, você ficou igual ao seu pai.

A música é uma arte, e em qualquer arte a influência e a mistura de cores é importante para se chegar a algo novo. Fanatismo não tem lugar nisso.

Quem tem um mínimo de cultura musical vê esse tipo de releitura como algo bom. Vai dizer que isso não é anos-luz mais criativo do que Lady Gaga?

O grupo Sambô não está fazendo nada de muito novo, claro. Essa idéia de misturar pagode com rock já é velhinha (lembre-se de Virgulóides), porém os manos aí sabem misturar legal.

Polêmicas e mais polêmicas no youtube, meu povo!

Oh, no. Please, this a Led? Zepp song..
Don’t do this to the song…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s