O oriente médio é como um forno de pizza

Quando as coisas começam a esfriar, sempre tem alguém pra jogar lenha na fogueira.

Para que o fogo se mantenha num nível desejável, para manter a máquina dos lucros funcionando. Até quando será assim?

Ignorante, alienado, bitolado e, ainda por cima, em cima do muro

Assumo minha ignorância e incompreensão total com relação aos jogos políticos que acontecem por lá. Nem faço mais questão de acompanhar as notícias porque está cada dia mais difícil ter certeza de que os fatos que chegam até as bandas de cá cheguem imparciais. Gente que adora os EUA e Israel de um lado e gente que odeia os EUA e Israel do outro brigam pelo controle das mídias e das mentes. Se você quiser, pode enfiar nesse rolo aí os amantes do capital versus amantes do social, e a democracia real versus democracia ideal também, não esquecendo de reservar um lugar todo especial aos neonazistas enrustidos e disfarçados. Os que tem poder e os que não tem.

Você entende dessas coisas todas? Nem eu. E não se impressione com quem pareça entender e fala como grande conhecedor muito bem informado. Assim como todo mundo é comediante, técnico de futebol e presidente, muita gente acredita que é cientista político.

Isso vai dar merda

Entretanto, de uma coisa esse simplório que vos fala sabe: isso ainda vai dar merda.

Não estou falando de coisas “pequenas” ou casos isolados que já vem acontecendo a século. Fala de uma big merda, porque, meu amigo, nem tudo vai acabar em pizza nesse rodízio da história.

Dois são os fatores que me levam a pensar no oriente médio como sendo uma grande bomba-relógio:

ok Crenças religiosas – Três grandes religiões tem ali seu foco de interesse. Uma que aguarda a vinda do messias salvador e outra que aguarda o retorno do messias salvador, sendo que, segundo as respectivas profecias, isso se dará concomitante ao fim dos tempos ou, na melhor das hipóteses, com o fim do mundo como o conhecemos. E a terceira e não menos importante religião, que tenta eliminar essas duas por acreditar ser a única verdadeira seguidora do Deus verdadeiro, tendo engajado nesse intento seus fiéis mais fervorosos, dispostos a tudo.

ok Poder – Muito petróleo. Petróleo é dinheiro, que é poder. Todos querem poder. Quem tem poder, manda e controla as armas. Se quem manda perder o controle, algum doido pode resolver começar a apertar alguns botões vermelhos. Nesse caso, o trem pode ficar bem feio.

Pensem nas crianças

Onde estão as armas químicas e nucleares, o bom senso ainda senta em frente aos botões vermelhos? Lembrai-vos de Hiroshima e Nagasaki! Lembrai-vos de Chernobil e Goiânia!

Acha que eu estou falando merda? Deus te ouça.

Receita

Então, anote aí a receita do que eu carinhosamente gosto de chamar de pizza do fim do mundo:

  1. Três partes de fanatismo.
  2. Uma parte de poder.
  3. Modo de preparo: misture bem e sirva quente, bem quente mesmo.

Aquele que atesta estas coisas diz: Sim! Eu venho depressa! Amém. Vem, Senhor Jesus! (Apocalipse 22, 20)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s